O Fluxo de caixa em seu Consultório

É muito difícil sabermos o futuro financeiro de qualquer negócio, seja ele uma lojinha de bairro ou um Consultório médico como o seu, onde tem um fluxo de pacientes, alguns particulares e outros que vem através de convênios. É triste ver muitos médicos por aí desanimados por conta de alguns convênios, muitos não pagam o valor devido de uma consulta e outros apenas “enrolam” e acabam nem pagando não é verdade?
Não podemos dar um jeito nisso do dia pra noite, mas existem coisas simples que podemos lhe ajudar e melhor ainda, você se ajudar! Já imaginou? Não ter dores de cabeça com convênios ou melhor ser muito bem reconhecido na sua área através de determinadas estratégias que podemos fazer por você?
 Antes de qualquer coisa, queremos lhe dar algumas dicas financeiras para que você possa primeiramente se fortificar e alimentar sua mente com algumas estratégias positivas, depois disso, iremos te dar algumas dicas diferenciadas para uma boa presença, seja online ou em seu próprio consultório.
Fluxo de caixa
O Fluxo de caixa é o instrumento de controle mais eficaz que ajuda a informar o responsável pela clínica toda movimentação do negócio, é importante que você Dr. esteja atento a todo fluxo de caixa, mesmo que não seja você o responsável a cuidar dessa movimentação.
Para ter um fluxo bem implantado é de extrema necessidade que a clínica trabalhe em conjunto para melhor desempenho.
Finanças pessoal x Finanças do consultório 
“A clínica é minha e o dinheiro que está ali é meu!”
Ouvimos muitos médicos falarem isso, e podem ter certeza essa é uma forma muito errada em trabalhar com suas finanças, primeiramente que precisamos separar.

Afinal de contas, quando a gestão não diferencia uma coisa da outra, o caos pode estar próximo. Mesmo que você seja muito bem organizado, mais dia, menos dia, essa conta pode ficar alta demais.

Por isso, o recomendado nesses casos é manter contas separadas, para evitar pagar despesas pessoais com dinheiro do consultório e vice-versa. E o fator complicador disso está justamente em não ter um controle efetivo do que se gasta no consultório (e até mesmo nas suas finanças pessoais).

Também defina o dia de retirada do dinheiro, para evitar que, em caso de aperto, o caixa da clínica se torne a primeira opção para aliviar as finanças pessoais.
faca-seu-consul-ser-reconhecido_hospedageme-site