SEO – Quem não é visto não é lembrado

SEO - Quem não é visto não é lembrado

O seu site pode ser o melhor desse mundo, com um conteúdo excelente e você ter milhares de visitas acessadas a partir das redes socias ou até de outros sites. Você pode ter uma ótima página decorada e cheia de “frufru”, mas isso não vai valer absolutamente de nada se as ferramentas de busca não conseguirem rastrear e indexar o seu site. Nada disso irá importar para o Seo.

SEO significa Search Engine Optimization, ou melhor dizendo Otimização para Ferramentas de Busca. É um conjunto de técnicas cujo seu site deve conter para que ferramentas de buscas possam indexá-lo e assim posiciona-lo em uma ótima classificação no Google. Sendo assim com uma boa classificação, você poderá obter um número mais avançado de visitas para o seu site, vindas de buscas orgânicas, ou seja, não pagas. Para simplificar, as buscas orgânicas são aquelas que todos nós fazemos todos os dias em ferramentas de busca como o Google.

De fato não há só o Google, existe também o Yahoo, Bing e etc. Porém 90% das buscas feitas na internet são através do Google. Para isso é de extrema importância que você esteja sempre atento com atualizações de algoritmos de classificação.

A partir do momento que você faz a criação do seu site, o SEO não pode ser ignorado em hipótese alguma, pois quase todos os aspectos do seu site influenciam nele (SEO), alguns tendem a ter um peso maior que outro, mas independente disso todos são relevantes para uma boa classificação do seu site.

Para ter um excelente SEO, a preocupação não deve ser em só cumprir todas as técnicas para enquadrar seu site no ranking na ferramenta de busca, mas sim em fazer com que os visitantes gostem do seu site, ou seja, fiquem por muito tempo nele, visitem várias páginas ou então voltem com frequência. Isso ajudará também no ranking e quanto mais pessoas gostarem, mais o Google irá gostar!

TÉCNICAS QUE O SEO UTILIZA

  • Título da página
  • Url
  • Descrição (meta description)
  • Número de palavras chave no texto
  • Palavra chave no h1 e em um ou mais h2
  • Palavras chave relacionadas
  • Links que direcionam para o site (link building)
  • Site responsivo
  • etc…

Para entender melhor vamos simplificar:

Defina o público-alvo
Se o seu negócio é vender b onecas usadas, as palavras-chave usadas na otimização não podem ser, Barbies ou baby alive, até porque dessa forma atingiria todo o público em geral, pais, mães, avós, crianças e etc. No caso seria preciso que você trabalhasse com as palavras “bonecas usadas” ou então “bonecas antigas”, entre outras que se qualificam ainda melhor com seu produto e seu público. Sendo dessa forma, o número de acesso seria mais qualificado a determinadas pessoas que realmente estão interessadas no seu produto ou serviço.

Ou seja, que vai definir se sua página estará nos primeiros resultados ou não de uma busca, será a relevância da palavra-chave buscada. Sendo assim, o SEO trabalha antes de tudo com a relevância de seu site, seja para o usuário que visita (otimização interna), ou para a comunidade digital que está em volta dele (otimização externa).

Vale lembra que, se você não tiver uma boa otimização seu site dificilmente estará no topo e dificilmente você será lembrado, seu negócio não será lembrado e provavelmente estará longe do Sucesso.

O que é o Algoritmo do Google?

Você deve estar se perguntando como o Google consegue entender qual é o melhor site. Bom, o trabalho é realizado através de um cálculo do algoritmo que considera uma infinidade de fatores, o que mudou com o tempo foi a relevância desses fatores.

O mercado digital teve um um imenso crescimento, e com o Google não foi nada diferente, por conta disso, hoje o buscador tem como foco a experiência do usuário.

Em 2015 foi um ano de muitas mudanças para as empresas, um exemplo disso é que em abril o buscador lançou uma atualização cujo permite uma melhora nas buscas feitas pelos smartphones, onde dão preferência a sites que se adaptam aos dispositivos, ou seja, bem conhecidos como sites responsivos.

Sendo assim as estratégias para o SEO devem ser ainda mais utilizadas, pois os acessos vem a partir de computadores e uma porcentagem ainda maior de smartphones.

Não deixe que sua empresa perca credibilidade e visibilidade do seu público, invista em SEO e tenha certeza que o seu reconhecimento estará próximo.

 

nao-deixe-de-ser-visto_seo

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Danilo Carlos

Danilo Carlos

Sócio fundador da agência com mais de 18 anos de experiência no mercado de publicidade digital

All Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marketing Digital 3.0

Relacionados