Sem notícias impactantes, bitcoin segue no patamar de US$ 23 mil

Maior aumento dos juros na Inglaterra em 25 anos, anunciado hoje, não chegou a provocar grande volatilidade no mercado cripto

O mercado de criptomoedas opera em terreno negativo, mas sem grandes oscilações, com investidores sem muitas notícias para direcionar compra ou venda. A elevação da taxa de juros no Reino Unido de 1,25% para 1,75% – a maior em 25 anos -, anunciada hoje pelo Banco da Inglaterra, poderia sinalizar uma aversão a risco, mas não provocou muito efeito nos mercados.

Às 11h30 (horário de Brasília), o bitcoin (BTC) era negociado a US$ 22.842, ligeira queda de 2%, nas últimas 24 horas. A mínima do período foi de US$ 22.739 e a máxima de US$ 23.570. O ethereum (ETH), segunda cripto mais negociada, valia US$ 1.605, recuo de 3%, segundo dados do CoinDesk.

No mercado tradicional, as bolsas operam sem direção única. Na Europa, o índice pan-europeu Stoxx 600 com ligeira alta. Em Nova York, o pregão abriu em queda, com S&P 500 e Nasdaq, das empresas de tecnologia, recuando 0,30%.

Entre as notícias no segmento, a Coinbase disponibilizar criptomoedas diretamente para investidores institucionais da gigante de gestão de investimentos BlackRock.