Marketing Internacional: O Que É e As 8 Melhores Estratégias

O marketing internacional é seu passaporte para conquistar clientes e abrir novos mercados no mundo inteiro.

Se você já pensou seriamente sobre a internacionalização do seu negócio, precisa entender o papel fundamental do marketing nesse processo.

O que é marketing internacional?

Marketing internacional, ou marketing global, é o conjunto de estratégias voltado à internacionalização dos produtos ou serviços da empresa. Mais do que replicar as ações locais, significa adaptar o planejamento, produção, divulgação e promoção para os mercados externos, com o objetivo de expandir os negócios mundialmente.

Um conjunto de estratégias que têm por objetivo criar valor de um produto ou marca para seu público-alvo.

Como o marketing internacional pode ajudar sua empresa?

Um bom plano de marketing internacional é essencial para que sua empresa ultrapasse as fronteiras e ganhe o mundo.

Em resumo, estes são os principais benefícios em utilizar essa estratégia.

  1. Reconhecimento da empresa no exterior

Se a disputa pela atenção dos consumidores já é acirrada no mercado interno, a situação pode ser ainda mais complexa lá fora.

Por isso, o marketing internacional é o ponto de partida para que sua empresa seja reconhecida no exterior e construa uma marca global, conquistando uma posição de destaque em novos mercados.

Quando uma organização é recém-chegada de outro país, é comum que os consumidores tenham certa resistência em adquirir seus produtos e serviços, principalmente em culturas muito diferentes.

Então, o desafio do marketing global é romper as barreiras culturais e transmitir os valores da empresa para um público-alvo inédito, preservando ao máximo a identidade da organização.

Para isso, é preciso conduzir um estudo aprofundado sobre as tendências e mídias locais para criar campanhas publicitárias eficazes, além de investir no relacionamento com o cliente.

2.Conhecimento do mercado e do público

Se quiser prosperar no exterior, você terá que priorizar a pesquisa de marketing internacional em seu planejamento estratégico.

Isso porque o conhecimento do mercado e do público é sua base para explorar o novo território e aproveitar suas oportunidades.

Para acessar essas informações, sua equipe terá que buscar estudos de consultorias renomadas, conduzir sua própria coleta de dados e analisar tendências do segmento a partir de fontes de autoridade.

Ao entender o mercado e público-alvo em detalhes, você estará pronto para traçar as estratégias de marketing internacional e se aventurar na conquista do seu espaço.

3.Autoridade do negócio

Quanto mais você expandir seu negócio internacionalmente, mais autoridade será agregada à marca.

As empresas com marketing internacional sólido, que atuam em vários países, conquistam uma reputação privilegiada no mundo todo.

Afinal, uma organização que prospera em qualquer lugar do planeta só pode ser líder em seu segmento, na visão dos consumidores.

4.Acesso a novos mercados e oportunidades

O marketing internacional abre portas para novos mercados e oportunidades em qualquer lugar do mundo.

Não à toa, as empresas que miram no exterior querem aumentar suas vendas, atender clientes globais e buscar inovação para produtos e serviços, segundo a pesquisa da Apex-Brasil.

Além de acessar um contingente global de consumidores, você também pode aproveitar os incentivos e vantagens de outros países em termos de recursos e tecnologias, por exemplo.

Outro benefício é a possibilidade de operar nos blocos econômicos, ampliando ainda mais as relações comerciais com a redução de tarifas e impostos.

5.Proteção contra crises

Outra vantagem de apostar no marketing internacional é a proteção contra crises e oscilações no mercado local.

Evidentemente, atuar em outros países multiplica suas chances de crescimento e reduz a dependência de um único mercado, garantindo os lucros em qualquer época e situação.

8 Estratégias de marketing internacional para você aplicar

1.Planeje a entrada no mercado

É claro que você não vai se aventurar em um novo mercado sem planejar sua entrada nos mínimos detalhes, ainda mais em outro país.

Por isso, seu plano de marketing voltado ao mercado internacional terá que ser impecável.

Então, qual o ponto de partida de qualquer planejamento?

Comece definindo o que você pretende alcançar com a expansão internacional do negócio e como vai medir o sucesso de cada objetivo.

Depois, escolha as estratégias adequadas para atingi-los, desdobrando o plano em metas com prazos e responsabilidades bem definidos.

2.Analise a concorrência local

A análise da concorrência é fundamental no marketing internacional, pois mostra o que está funcionando no mercado-alvo e fornece informações valiosas sobre as práticas do setor.

Para conduzir essa avaliação, você deverá levantar todos os dados possíveis sobre concorrentes diretos e indiretos, mapeando suas estratégias de preço, promoção, distribuição e divulgação.

Também é importante comparar o desempenho e resultados das empresas, identificando as mais lucrativas e seus diferenciais.

3.Adeque a linguagem utilizada para cada país

Para além do idioma, você precisa adaptar a linguagem utilizada nas comunicações em cada país.

Isso inclui a adequação do vocabulário, uso de expressões e referências regionais e o ajuste do tom de voz da marca.

Um ótimo exemplo dessa tática é o marketing internacional do Google, que faz questão de personalizar a experiência do buscador em cada país em que atua.

4.Entenda os diferentes hábitos

Os hábitos de consumo mudam radicalmente de uma cultura para a outra, e você precisa entender como o público-alvo se comporta no mercado-alvo.

Empresas globais como a Coca-Cola e McDonald’s, por exemplo, partem das preferências de cada população para ajustar as receitas e formulações de seus produtos.

Para além da composição, é preciso entender como é a jornada de compra dos consumidores estrangeiros e o que motiva suas escolhas.

Além disso, é fundamental conhecer aspectos religiosos e sociais para respeitar as tradições dos consumidores e não infringir nenhum código moral.

5.Alinhe as estratégias usadas em todos os países

O marketing internacional coerente deve alinhar as estratégias utilizadas em todos os países, mesmo com as profundas diferenças.

Esse é um dos maiores desafios, pois você terá que unificar sua identidade global ao mesmo tempo em que personaliza ações para cada mercado.

Para isso, suas campanhas deverão ser baseadas em conceitos universais, como o lema “Felicidade”, da Coca-Cola, e o “Pense diferente”, da Apple.

Se você promover sua marca com valores diferentes em cada país, poderá confundir os consumidores e prejudicar a reputação da empresa

6.Estude as regras internacionais de atuação

Na pesquisa 48% das multinacionais afirmam ter dificuldades para conhecer a legislações e procedimentos no país-alvo, enquanto 34% acham muito difícil realizar a análise tributária e fiscal durante a expansão.

Além disso, também é preciso estar atento às leis sobre patentes e licenças, tratados internacionais e determinações de órgãos como a OMC (Organização Mundial do Comércio).

No âmbito da comunicação, você ainda terá que considerar as leis e diretrizes sobre a publicidade e uso das mídias.

7.Encontre parceiros e alianças internacionais

Uma das formas mais inteligentes de entrar no mercado internacional é fechando parcerias com empresas, agências e consultorias do seu segmento.

Para isso, muitas empresas apostam na joint venture, que é uma fusão empresarial temporárias que une empreendimentos para uma tarefa específica.

Desse modo, você pode se beneficiar do conhecimento do parceiro sobre o mercado local e desenvolver estratégias de marketing conjuntas.

Outra forma de usar a colaboração a seu favor é buscar parcerias com produtores de conteúdo,digital influencers, mídias, agências de publicidade e formadores de opinião em geral.

Assim, você toma um atalho para impulsionar seu marketing internacional, aproveitando a expertise de quem já atua no país.

8.Utilize o poder do marketing digital

Pela internet, é muito mais fácil atingir seus novos consumidores, principalmente quando você ainda não domina as tendências locais.

Então, aproveite o alcance global do Google e Facebook, por exemplo, para investir no seu Search Engine Marketing e marketing de conteúdo.

E não se esqueça das mídias sociais mídia, que têm um poder único de concentrar populações locais e segmentar seus públicos.

Compartilhe:

Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Danilo Carlos

Danilo Carlos

Sócio fundador da agência com mais de 18 anos de experiência no mercado de publicidade digital

All Posts

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Marketing Digital 3.0

Relacionados